Aço e arte Aço e arte Aço e arte Aço e arte

Aço e arte

Estilo

Pasquale Galbusera O Bernareggino

Se tivéssemos que pensar num conceito a ser aplicado ao aço, dificilmente pensaríamos em arte. Para o Grupo Lampre, por outro lado, os dois mundos na verdade não estão longe.

O lema aço elegante tem de facto caracterizado a Lampre durante os últimos anos, uma vez que o objectivo é conseguir fabricar produtos elegantes seguindo as últimas tendências do mercado, trabalhando com meticulosa atenção aos detalhes, respeitando e atingindo os mais altos padrões de qualidade.

A nossa sociedade contemporânea atribui um valor estético quase absoluto, muitas vezes em detrimento da qualidade. A Lampre sustenta a ideia da inseparabilidade desses dois aspectos, promovendo apenas materiais que envolvem a essência de ambos.

É por isso que muitos dos possíveis processos mecânicos permitem aos nossos produtos serem usados em sectores refinados, tais como o mobiliário e a construção, arquitectura e componentes de produção de aparelhos que incorporam design.

A atenção especial que damos à estética dos nossos produtos vem em grande parte da inclinação que Pasquale Galbusera, gestor de vendas da empresa, e artista reconhecido, nos transmite.

Nascido em 1943 em Bernareggio, uma pequena cidade não muito longe de Velate Usmate, tornou-se ao longo dos anos um artista excepcional, internacionalmente conhecido e altamente respeitado.

A sua actividade tem incidido ao longo do tempo na pintura a óleo, aguarela e desenho de gráfico, até chegar à escultura em 1979. Testou diferentes materiais, mas o melhor de todos, em que foi capaz de dar uma mais-valia à sua grande criatividade, é certamente a madeira.

Entre as contribuições artísticas mais significativas, lembramos a reestruturação da Cripta da Basílica de São Francisco em Assis, onde se pode admirar a Árvore Gloriosa feita de uma grande oliveira, e a Cruz da Porciúncula doada pelos Frades Menores ao Papa Bento XVI.